Alexandre Barbosa, docente FAPCOM, lança livro em Congresso da Intercom

26 de agosto de 2017

A Solidão da América Latina na Indústria Jornalística Brasileira é o nome da obra que será lançada no 40º Congresso da Intercom em Curitiba


A Solidão da América Latina na Indústria Jornalística Brasileira

Cinco décadas depois da publicação Cem Anos de Solidão, a América Latina parece condenada, definitivamente, “a não ter uma segunda oportunidade sobre a terra”. Sufocada por políticas econômicas que reforçam a condição de periferia primário-exportadora, por classes dirigentes cada vez mais aliadas ao capital europeu e norte-americano, a região latino-americana foi varrida das manchetes dos jornais tal qual a fantástica Macondo foi varrida da História pela tormenta que veio do Norte.

Este livro, resultado de pesquisa defendida na ECA-USP, procura desvendar os fatores que levaram a essa exclusão e lança luzes do que pode ser feito no jornalismo brasileiro para tentar tirar a América Latina desta solidão.

O estudo é baseado em dois eixos: o ambiente sócio-histórico e o ambiente jornalístico. É da intersecção destes campos que se monta o cenário de solidão da América Latina. A pesquisa demonstra que o continente latino-americano é cindido, por processos históricos, no que a pesquisa definiu como ‘América Latina Oficial’ e na ‘América Latina Popular’. A indústria jornalística é o aparelho ideológico da ‘América Latina Oficial’ assim como a imprensa alternativa é da ‘América Latina Popular’.

A América Latina está ausente do noticiário. Não se encontram nas páginas dos jornais as histórias da América Central, as músicas dos pampas argentinos, as lutas na Selva Amazônica, a fome dos descendentes maias, a culinária andina, a literatura guatemalteca, a enxada do sertanejo. É como se a América Latina se resumisse apenas ao litoral e às grandes cidades. Ou, o que é mais grave, os meios de comunicação de massa assumem como América Latina apenas o que já foi chancelado pela indústria cultural hegemônica. Desmonta-se o mito da imparcialidade e conclui-se que para a América Latina não ser condenada à solidão é preciso desenvolver e estudar os movimentos sociais latino-americanos, incluindo seus processos de comunicação.

 

Serviço: 

Lançamento de livros de sócios da Intercom

Data: 07/09 – 5ª feira

Horário: 12h às 14h

Local: Biblioteca da Universidade Positivo

PUBLICOM – Coordenação: Felipe Pena

 

Sobre o autor: Alexandre Barbosa

Doutor em Ciências da Comunicação (ECA-USP), Mestre em Jornalismo Comparado (ECA-USP), Especialista em Jornalismo Internacional (PUC-SP), Jornalista (UMESP). Pesquisador e professor do Celacc (Centro de Estudos Latino-americanos sobre Comunicação e Cultura), professor contratado do curso  de Jornalismo da ECA-USP e professor dos cursos de jornalismo da FAPCOM e da Uninove.

Autor dos livros “A Solidão da América Latina na Indústria Jornalística Brasileira​” (Alexa Cultural) e Jornalismo em Gêneros, volumes I, II e III, publicados pela ECA- USP. Autor de artigos sobre Comunicação e Cultura popular da América Latina publicados em revistas científicas do Brasil e da América Latina.

 

Apresentação do livro: goo.gl/K2zyDw

Para comprar: Livraria CulturaEditora Alexa Cultural

Twitter
Instagram

Flickr

Henry Carroll na FAPCOM

Facebook