Imagens que nos devoram: A reconfiguração dos corpos consumidos por imagens

15 de maio de 2017

Resumo: O artigo visa refletir sobre a possível substituição do corpo pela imagem a partir da análise do fenômeno das grávidas saradas, propagado pela mídia em 2015. Mulheres com barriga definida durante a gestação que divulgaram suas fotos no Instagram. Para tal estudo fez-se necessária a compreensão do conceito de Iconofagia, de Norval Baitello Júnior, pois este discorre sobre a imagem e caracteriza os tipos de devorações existentes e seu efeito sobre o corpo.

 

 

Twitter
Instagram
Facebook