Dicas aos fotojornalistas

10 de setembro de 2015

Ana Paula Silva e Isabel Delalamo


Durante sua palestra, Otávio Valle, editor de Fotografia do jornal Agora, falou sobre como se preparar para o mercado de trabalho:

10-09

Ter um portfólio

O jornalista Otávio Valle, editor de fotografia do jornal Agora, comenta que o profissional deve ter um portfólio: o Flickr é uma ferramenta de fácil acesso para mostrar seu trabalho. Outra ferramenta são as redes sociais, que são um ótimo meio de divulgação. Ele explicou que quando um novo profissional aparece, além de checar a produção pelo Flickr, costuma olhar também o Facebook e Instagram do fotógrafo. “A aparência não importa; mas as ideias que ele expõe, sim”, disse.

• Estar preparado para cobrir qualquer editoria

Além de ter um espaço que reúna os cliques, Valle destaca que o candidato deve ser completo e flexível, já que pode atuar, especialmente no jornal diário, com três vertentes que ele deve saber trabalhar:

Hard News: pronto para cobrir protestos, polícia e assuntos diversos do dia a dia.

– Cultural/eventos: com pautas mais leves e de interesse do público.

– Retratos: com entrevistas ou perfis.

Dominar a arte de se comunicar

O bom fotojornalista deve saber conversar com pessoas de todos os níveis sociais e estar pronto para qualquer situação que a profissão o condicione, seja entrar numa comunidade ou ir a uma conferência.

O editor disse também que diferencial entre o fotógrafo e o fotojornalista é que é preciso entender o que é notícia para reproduzir as imagens. Elas devem seguir o perfil de leitor de cada veículo, saber quando é necessária uma foto mais direta ou mais reflexiva. “A imagem deve ser autoexplicativa, como um lead no texto jornalista”, lembra Valle.

Além de editor de Fotografia, Otávio também é colunista do Jornal Agora. Formado em Jornalismo pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (Unesp), participou da II Semana de Comunicação na FAPCOM que aconteceu em agosto de 2015. Se quiser conhecer mais do trabalho dele, acompanhe-o pelo Twitter, Instagram e blog Olho no Celular.

Twitter
Instagram

Flickr

Henry Carroll na FAPCOM

Facebook