Campanha anti-racismo leva ofensas próximo à casa dos ofensores

11 de dezembro de 2015

Flavia Martinez


Uma campanha criada pela ONG Criola, do Rio de Janeiro, com a chamada “Racismo virtual. As consequências são reais”, selecionou comentários racistas nas redes sociais e os colocou em outdoors e espaços publicitários espalhados por algumas cidades do Brasil (mas não em qualquer lugar).

Racismo2

A campanha começou em julho, após a onda de comentários racistas à Maju, jornalista da TV Globo, com a ideia de trazer os insultos de volta ao seu autor. Ou seja, com uma ferramenta de rastreamento foi possível localizar a proximidade de onde saíram os comentários e deixá-los expostos próximos à casa dos agressores.

Cerca de 50 comentários foram selecionados e espalhados em Porto Alegre, além de outras cidades como Rio de Janeiro, Americana (SP), Vila Velha (ES) e Feira de Santana (BA). Imagine a cara do ofensor quando saiu de casa, virou a esquina e se deparou com o seu comentário estampado enorme em um outdoor!

Racismo3

Racismo1

 

Twitter
Instagram

Flickr

Henry Carroll na FAPCOM

Facebook